CONECTE-SE CONOSCO

Criptomoedas

Volumes de negociação de criptomoedas caem mais de 40% em junho

Publicado

em

Volumes de negociação de criptomoedas caem mais de 40% em junho
(Photo: Reuters)
Google news

O efeito dominó do recente crash do mercado de criptomoedas continua. O volumes de negociação nas principais exchanges despencaram em mais de 40% em junho. O mercado de criptomoedas continua sendo atacado pela autoridades chinesas que intensificaram bloqueios de operações, como por exemplo o de mineração.

De acordo com o site de pesquisa CryptoCompare :

“Os volumes de negociação à vista caíram 42,7%, para US$ 2,7 trilhões, e os volumes de derivados caíram 40,7%, para US$ 3,2 trilhões.”

A empresa acrescentou:

“Em junho, o volume à vista das 15 maiores bolsas de criptomoedas TopTier diminuiu 51,6% em média (em comparação com maio).”

Volumes de negociação de criptomoedas despencaram mais de 40% em junho, Moneyinvest

Binance contina sendo a maior bolsa de criptomoedas à vista em volume. No entanto, seu volume de negócios despencou 56%, para US$ 668 bilhões, após a proibição da mineração de criptografia na China. A queda no volume spot está ligada as restrições da China, que levaram a preços mais baixos e volatilidade no mercado de criptomoedas.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Veterano de Wall Street vende todo o seu ouro para comprar mais Bitcoin e Ethereum

BTC perdeu mais de 90% da capacidade de mineração na China

À medida que a China intensificou a aplicação da lei contra as atividades domésticas de mineração de Bitcoin, o que levou à desconexão massiva de muitos locais no país, mais de 90% da capacidade de mineração BTC da China foi encerrada.

O Bitcoin despencou mais de 6% em junho, atingindo níveis mínimos de US $ 28 mil não vistos desde janeiro. Além disso, os retornos médios dos negociantes de BTC despencaram para uma baixa de 14 meses à medida que os fatores FOMO (medo de perder) se tornavam predominantes. Muitos negociantes resultaram em vendas mínimas e compras máximas, o que é o oposto dos negociantes lucrativos porque geralmente compram na baixa e vendem na alta.

Mesmo assim, alguns analistas esperam que a volatilidade do Bitcoin suba rapidamente, resta saber se isso colocará o mercado de criptomoedas de volta para cima.

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas