Connect with us

Criptomoedas

Terra (LUNA): mesmo após colapso, token volta ao ‘top 100’

Publicado

em

Terra (LUNA): mesmo após colapso, token volta ao 'top 100'
Reprodução / Plataforma X
Google news

Terra (LUNA), uma criptomoeda que era uma das dez mais valiosas do mundo, colapsou em maio de 2022, perdendo 99% de seu valor. O colapso do LUNA foi um desastre sem precedentes no mercado de criptomoedas, e ainda é tema de debate e especulação.

No entanto, Terra Classic, que havia sido considerada morta, disparou mais de 100% em 30 dias. E agora, a criptomoeda volta ao ‘top 100‘ das mais valiosas.

A queda do LUNA foi causada por uma série de fatores, incluindo:

  • Um ataque especulativo

Alguns especialistas acreditam que o colapso do LUNA foi resultado de um ataque especulativo. Nesse ataque, investidores venderam grandes quantidades de UST, uma stablecoin atrelada ao dólar americano, que era apoiada pelo LUNA. Isso fez com que o preço do UST caísse, o que, por sua vez, fez com que o preço do LUNA também caísse.

  • Um projeto com falhas

Alguns especialistas acreditam que o colapso do LUNA também foi resultado de falhas no projeto. O LUNA era um projeto complexo que dependia de um algoritmo para manter o valor do UST em US$ 1. No entanto, esse algoritmo não foi capaz de lidar com a pressão do ataque especulativo.

Veja também:  Coreia do Sul emite ordem de prisão contra criador da criptomoeda LUNA

As consequências

O colapso do LUNA teve consequências devastadoras para o mercado de criptomoedas. Ele levou à perda de bilhões de dólares em valor e à desconfiança dos investidores em criptomoedas.

O colapso do LUNA também levantou questões sobre a segurança e a estabilidade das stablecoins. As stablecoins são criptomoedas que são atreladas a ativos do mundo real, como o dólar americano. Elas são consideradas uma forma mais segura de investir em criptomoedas, mas o colapso do LUNA mostrou que elas também podem ser vulneráveis a ataques especulativos.

LEIA COM ATENÇÃO: Este texto não constitui aconselhamento de investimento nem recomendação de compra de qualquer criptomoeda. O objetivo é manter os interessados em criptomoedas informados sobre os desenvolvimentos recentes.

Compartilhar:

Tendência