Connect with us

Criptomoedas

China bloqueia CoinMarketCap, CoinGecko e TradingView

Publicado

em

A China ainda não aprendeu que o bitcoin sempre triunfa. E continua tentando impedir o sucesso da maior criptomoeda do planeta.

China bloqueia CoinMarketCap, CoinGecko e TradingView

As autoridades chinesas parece estar pronta para guerra com o mercado de criptomoedas. E isso, tem causado um banho de sangue nas criptomoedas. Recentemente, o país proibiu as instituições financeiras de realizar qualquer transação com uso de moedas digitais com as alegações que estão simplesmente tentando reforçar as leis aprovadas há alguns anos.

Agora, os sites CoinMarketCap, CoinGecko, foram bloqueados e não estão mais acessíveis para usuários chineses depois que o Banco Popular da China reiterou que as atividades comerciais relacionadas a criptomoedas são “ilegais.

Ambos os sites foram bloqueados pelo firewall de Internet da China, segundo relatos do The Block. No entanto, os usuários chineses ainda podem acessar os sites por meio de redes privadas virtuais (VPNs).

VOCÊ PODE GOSTAR:  Ocean Protocol (OCEAN) a criptomoeda que pode se tornar o "novo Bitcoin"

De acordo com Wu Blockchain, TradingView também não está acessível.

Embora as criptomoedas tenham ficado inacessíveis recentemente, sites de alto escalão como Google, YouTube, Facebook, Wikipedia, Reddit, Netflix, Instagram, Twitch e muitos outros ficaram inacessíveis por anos seguindo a política do País.

Bolsas de criptomoedas

As bolsas de criptomoedas Binance, Huobi e OKEx já impediram novos registros para usuários chineses.

A Huobi divulgou que irá excluir todas as contas de usuários chineses até 31 de dezembro deste ano. A BitMart, está fazendo o mesmo, mas segundo a exchange isso será feito até 30 de novembro.

A mineradora chinesa Ethereum SparkPool parou de atender a novos usuários da China continental para cumprir os requisitos regulamentares.

“Um desligamento completo de todos os serviços e operações do SparkPool para usuários existentes, em casa ou no exterior, foi planejado para 30 de setembro de 2021 (UTC + 8) às 20:00 com a premissa de garantir a segurança dos ativos de nossos usuários. «

Alibaba proíbe vendas de maquinas de mineração

A pressão regulatória chinesa fez com que a gigante do comércio eletrônico Alibaba proibisse a venda de todas as máquinas de mineração de criptomoedas a partir de 8 de outubro em resposta à política mais recente do banco central sobre o comércio de criptomoedas. Além disso, qualquer pessoa que listar esses produtos na plataforma após 15 de outubro enfrentará penalidades.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Bitcoin se aproxima de US$ 39 mil, enquanto Ethereum atinge pico com o início de um novo ciclo de alta

Compartilhar:

Siga-nos no Google News

Siga-nos nas Redes Sociais

Ações Mais Procuradas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba notícia atualizadas