Connect with us

Empresas

Oi solicita mais prazo para concluir recuperação judicial

Publicado há

em

Oi solicita mais prazo para concluir recuperação judicial
O Prazo termina em fevereiro de 2020.

SÃO PAULO (Reuters) – A operadora de telecomunicações Oi (OIBR3) (OIBR4) informou na última sexta-feira que pediu à Justiça mais prazo para concluir seu processo de recuperação judicial, cujo prazo de supervisão termina em fevereiro de 2020.

O requerimento apresentado à 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, sustenta que a prorrogação não traz mudanças para a situação atual do grupo não tem impacto quanto ao cumprimento do plano, nem em relação a créditos nem a eventuais novos recursos que forem obtidos.

A continuidade de supervisão judicial ao fim do período de dois anos é uma medida natural que tem sido aplicada na maior parte dos processos de recuperação judicial, argumentou a Oi.

A empresa afirmou no fato relevante que o plano está tendo bom andamento, já tendo concluído grande parte das etapas do processo, mas que há elementos complexos a serem resolvidos.

O documento afirma ainda que a empresas já começa a ter resultados operacionais e financeiros positivos, o que será acelerado a partir de 2020 e consolidado em 2021.

Resultados 3° trimestre

O prejuízo da Oi, aumentou mais de três vezes e foi para R$ 5,78 bilhões, conforme relatório dos resultados da companhia. De acordo com a empresa, os números desconsideram a adoção da norma contábil IFRS 16.

A receita líquida do segmento B2B fechou o terceiro trimestre de 2019 em R$ 1.357 milhões, uma queda de 8,0% quando comparada a mesmo período de 2018. O movimento deve-se, principalmente, à redução do tráfego de voz.

Veja também: Oi pode ser beneficiada com MP que permite descontos de até 70% em dívidas de empresas RJ

Tendência