Connect with us

MEI

Como abrir um MEI em minutos grátis

Publicado

em

Como abrir um MEI em minutos grátis
Imagem de Dariusz Sankowski por Pixabay

Atenção! Não caia em armadilhas. A abertura do MEI é grátis e é um direito de todo cidadão brasileiro que queira abrir seu próprio negócio de maneira simplificada.

Antes de mais nada, você precisa saber que para ser MEI, o empreendedor precisar cumprir algumas obrigações mensais como Pagamento da guia DAS, Emissão de nota fiscal, Relatório mensal das receitas, Declaração Anual do Faturamento do Simples Nacional (DASN-SIMEI) e Informações sobre funcionário contratado.

Para ser MEI, o empreendedor precisa cumprir algumas obrigações mensais, como:

  • Pagamento da guia DAS: A guia DAS é o documento que o MEI paga para o governo. Ela inclui os tributos que o MEI deve pagar, como o INSS, o ICMS e o ISS.
  • Emissão de nota fiscal: O MEI deve emitir nota fiscal para todas as suas vendas.
  • Relatório mensal das receitas: O MEI deve enviar um relatório mensal para a Receita Federal informando o seu faturamento.
  • Declaração Anual do Faturamento do Simples Nacional (DASN-SIMEI): O MEI deve declarar o seu faturamento anual para a Receita Federal.
  • Informações sobre funcionário contratado: Se o MEI contratar um funcionário, ele deve informar o funcionário à Receita Federal.

O MEI é uma modalidade de negócio que oferece diversos benefícios aos empreendedores, como:

Ao se tornar MEI o empreendedor poderá ter acesso a serviços bancários específicos como linhas de crédito e outros serviços bancários para microempresas. Além do mais, os tributos são simplificados e mais baratos que as outras modalidade de negócios. Mei terá direito a benefícios previdenciários, como aposentadoria, auxílio-doença e salário-maternidade.

Veja também:  Como obter uma aposentadoria maior sendo MEI

O MEI é uma modalidade de negócio que oferece diversos benefícios aos empreendedores, como:

  • Obtenção do CNPJ: O CNPJ é um documento obrigatório para que as empresas possam realizar atividades comerciais, emitir nota fiscal e participar de licitações públicas.
  • Emissão de nota fiscal: A nota fiscal é um documento que comprova a venda de produtos ou serviços e garante os direitos do consumidor.
  • Venda para o governo: O MEI pode vender para órgãos públicos, desde que atenda aos requisitos exigidos.
  • Acesso a serviços bancários específicos: O MEI tem acesso a linhas de crédito e outros serviços bancários específicos para microempresas.
  • Pagamento de tributos simplificados e mais baratos: O MEI paga tributos simplificados e mais baratos do que as empresas de outros regimes tributários.
  • Contribuição para a previdência social e regime previdenciário próprio: O MEI contribui para a previdência social e tem direito a benefícios previdenciários, como aposentadoria, auxílio-doença e salário-maternidade.

Agora, vamos ao que interessa. Para abrir um MEI em minutos grátis, o empreendedor deve atender aos seguintes requisitos:

Ser pessoa física; Não ter participação em outra empresa como titular, sócio ou administrador; Ter faturamento anual de até R$ 81.000,00; Exercer uma atividade permitida para o MEI; Não ter débitos com a União, Estados ou Municípios.

NÃO CAIA EM GOLPES

Atenção! Não caia em golpes. O processo de abertura de um MEI é simples e gratuito e pode ser feito online, pelo Portal do Empreendedor no GOV.BR.

Google news
Compartilhar:

Tendência