Connect with us

Mercado de Ações

A derrocada das varejistas na bolsa de valores

Publicado

em

A derrocada das varejistas na bolsa de valores

As varejistas estão em queda livre na Bolsa de Valores. Americanas (AMER3), Via (VVIA3) e Magazine Luiza (MGLU3), perderam, juntas, mais de R$ 9 bilhões em valor de mercado.

Entre as maiores queda, Via lidera entre o pior desempenho do ano 65,22%, seguida por Magazine luiza que acumula queda de 63,13% no ano.

Magalu derreteu 17,58% em apenas uma semana. Com a derrocada sem freio na B3, os papéis MGLU3 já estão sendo comparados com o boom e queda da Cielo.

Os papéis Cielo, empresa de serviços financeiros atingiu o seu auge em 2015. O ativo da empresa era negociado a R$ 31,53 na (Bolsa de Valores). Hoje, a ação CIEL3 é negociada na B3 a R$ 2,19, os papéis da companhia acumulam perdas de 91,00% na bolsa.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Magazine luiza é a empresa com melhor imagem durante crise atual

Ações varejistas que mais desvalorizaram em 2021:

AÇÃOCOTAÇÃOQUEDA SEMANAL (%) QUEDA MÊS (%)QUEDA NO ANO (%)
VIIA35,62-9,50-8,62-65,22
MGLU39,19-17,58-14,99-63,13
PCAR322,54-4,00-11,71-61,40
AMER333,65-10,0313,30-55,50
LAME45,89-10,6221,95-46,56

As razões para a derrocada das varejistas em 2021, de acordo com corretoras e analistas consultados pelo CNN Brasil Business, são uma mistura de correção das fortes altas do ano passado com um certo exagero na fuga desses papéis, o que amplificou, para elas, a fraqueza pelo qual passa o Ibovespa como um todo.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Ibovespa tem nova alta impulsionada por exterior e commodities

As varejistas digitais acompanham uma tendência internacional em que as ações de tecnologia perderam fôlego enquanto empresas mais ligadas à economia tradicional, como indústria e produtoras de commodities, entraram para o foco.

Com informações CNN

Veja também:

Compartilhar:
Advertisement

Estamos no Google News

Google news

ÚLTIMAS NOTÍCIAS