Connect with us

Criptomoedas

A criptomoeda Shiba Inu pode chegar à marca de US$ 1 dólar?

Publicado

em

A criptomoeda Shiba Inu pode chegar à marca de US$ 1 dólar?

A criptomoeda Shiba Inu baseada em meme e anunciada como “assassina do Dogecoin” ainda não caiu no esquecimento apesar das recentes quedas nas criptomoedas. Mas afinal, Shiba Inu algum dia chegará à marca de US$ 1 dólar?

Google news

Quais são os problemas atuais enfrentados pelo Shiba Inu?

Shiba ainda enfrenta alguns obstáculos. Por exemplo, a moeda ainda não ganhou muita atenção nas redes sociais ou por especuladores, de acordo com a FX Street. Se a moeda começar a cair, pode perder mais apoio, já que criptomoedas como Shib e Dogecoin dependem do hype da mídia social para alavancar mais investimentos.

David Hsiao, CEO da revista criptográfica Block Journal, disse ao The Inverse que a moeda Shib só sobe por causa da comunidade. Portanto, os investidores devem ter isso em mente antes de investir.

VOCÊ PODE GOSTAR:  O fundador da Dogecoin diz que detesta Shiba Inu

Onde estará a moeda de Shiba Inu em 2025?

A moeda Shib está sendo negociada por cerca de US$ 0.00000782, com um valor de mercado de US $ 3,8 bilhões, então ainda pode crescer.

De acordo com alguns analistas, as previsões atuais para Shiba Inu sugerem que a moeda poderá atingir um valor aproximado de US$ 0,000019 em 2022 e, posteriormente, chegará a US$ 0,000061 por moeda em 2025.

A moeda de Shiba Inu chegará a US $ 1?

A moeda Shib Inu precisaria subir 12.000.000% para chegar a US$ 1. Desde janeiro, a moeda saltou cerca de 2.000.000% ao mês. Portanto, poderia em teoria chegar a US$ 1 até o final de 2021 se mantiver esse crescimento, de acordo com o Market Realist.

VOCÊ PODE GOSTAR:  SAFEMOON tem várias falhas críticas de segurança

“Se Shiba Inu mantiver esse nível de crescimento, poderá chegar a US$ 1 em 2021. No entanto, se crescer a uma taxa de 20% ao mês, levaria cinco anos para chegar a US$ 1, que aponta para 2025 no mínimo. ”.

Leia mais sobre a moeda: O que é Shiba Inu (SHIB).

Aviso Legal: Essa publicação não deve ser interpretada como um conselho de investimento. Pesquise antes de agir sobre qualquer conteúdo deste site.

Compartilhar:

Siga-nos no Google News

Siga-nos nas Redes Sociais

Ações Mais Procuradas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba notícia atualizadas