Connect with us

Investimentos

Qual a melhor conta digital para MEI sem Tarifas (Grátis)

Publicado

em

Qual a melhor conta digital para MEI sem Tarifas (Grátis)

Os Bancos digitais vem conquistando os brasileiros com sua praticidade e economia. Entretanto, quando tratamos de conta digital para PJ (Pessoa Jurídica) ou MEI (Microempreendedor Individual), aumenta a dificuldade entre os empreendedores com relação as tarifas.

Os bancos tradicionais na maioria das vezes, oferecem serviços com tarifas altas. Que acaba prejudicando os pequenos empreendedores que estão começando. Sendo assim, usar um banco digital para sua conta PJ ou MEI pode te fazer economizar bastante.

Conta digital para PJ ou MEI

A maior vantagem que as contas digitais para PJ oferecem é as tarifas que podem chegar a zero dependendo do caso. Muitos dos bancos digitais não cobram mensalidade pela sua conta. Alguns, ainda, não cobram por saques, TEDs e emissão de boletos. Ou seja, sua conta pode sair totalmente gratuita. Isso é um grande benefício principalmente para pequenas empresas que ainda estão começando.

Todos os bancos citados nos próximos tópicos são assegurados pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito). Alguns bancos digitais, portanto, garantem a mesma proteção ao seu dinheiro que os bancos tradicionais. Os grandes bancos digitais do Brasil são autorizados a funcionar, regulados e supervisionados pelo Banco Central.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Banco Inter, Nubank ou C6 Bank: Qual melhor Banco Digital?

A maioria dos serviços oferecidos pelos bancos tradicionais, você já consegue fazer nos bancos digitais. No geral, você consegue fazer transações, saques, compras com cartão, empréstimos, investimentos, recebimentos de cheques, boletos e maquininhas de cartões.

Os principais bancos digitais para PJ (Pessoa Jurídica)

Banco TED
Banco InterGrátis
NubankGrátis
Neon PejotaR$ 3,50

Banco Inter conta PJ

O Banco Inter, afirma ter serviços que atendem desde profissionais liberais até grandes empresas. A instituição oferece conta PJ desde agosto de 2017. Segundo o banco, todo o processo de abertura da conta é feito, como no caso das pessoas físicas, pelo site do banco. O Inter também ressalta que a conta jurídica é totalmente gratuita, incluindo emissão de boletos, TEDs e saques.

No Banco Inter, o empresário precisa ter conta pessoa física no banco. Segundo a instituição, “a conta PJ é um benefício para o correntista pessoa física”. O banco garante que o empresário que mantém sua conta jurídica no Inter tem ainda acesso a diversas linhas de crédito, específicas para a modalidade, como capital de giro e antecipação de recebíveis do cartão de crédito

VOCÊ PODE GOSTAR:  Aplicativos para ganhar dinheiro e lucrar nas horas livres

Nubank conta PJ

A Conta PJ do Nubank é focada em pessoas jurídicas, empreendedores, pequenos empresários, freelancers e autônomos. Por enquanto, ela foi lançada como um teste.

Na versão atual terá algumas funções similares às oferecidas hoje pela NuConta, como transferências gratuitas para outros bancos e entre contas do Nubank, pagamento de boletos e tributos, depósito via boleto e a função “cobrar dinheiro“.

Neon Pagamentos

O público-alvo do Neon Pejota são profissionais liberais, microempreendedores individuais e pequenas e médias empresas. O empresário não precisa manter sua conta de pessoa física na instituição, mas há muitos casos em que o empresário tem as duas modalidades de conta na instituição.

A conta jurídica do Neon Pejota não tem anuidade. Mas as tarifas são cobradas pelo uso dos serviços. Para fazer transferências via TED para outros bancos o empresário precisa desembolsar R$ 3,50.

O Neon não oferece linhas de crédito para pessoa jurídica. Mas promete para breve liberar o investimento em CDB direto na conta Neon Pejota. O banco digital diz que tem planos ainda de implantar a função que permite realizar pagamento dos funcionários de empresas “de forma mais prática”.

Compartilhar:
CONTINUE LENDO

Siga-nos no Google News

Siga-nos nas Redes Sociais

Ações Mais Procuradas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba notícia atualizadas