CONECTE-SE CONOSCO

Criptomoedas

PIX pode prejudicar os interesses da Ripple no Brasil

Publicado

em

PIX pode prejudicar os interesses da Ripple no Brasil

Em novembro o Pix estará disponível para toda população. O novo sistema de pagamento irá aumentar a velocidade em que pagamentos ou transferências são feitos e recebidos, além de melhorar a competitividade e a eficiência do mercado.

Com o Pix os custo irão cair, além de aumentar a segurança nas transações, o novo sistema irá permitirá transferências interbancárias gratuitas 24 horas por dia, 365 dias por ano, com dados legíveis como CPF/CNPJ, e-mail, número de telefone celular ou a chave aleatória longos números de contas não serão necessários.

Com o Brasil prestes a revolucionar seu sistema bancário, o país se despedirá de uma infraestrutura sucateada que tornou os pagamentos um pesadelo.

Ripple escolheu o Brasil para instalar seus escritórios na América Latina e se expandir por toda américa latina de olho no potencial que o país tem a oferecer.

VOCÊ PODE GOSTAR:  FBI recupera US$ 2,3 milhões em bitcoin hackeados

De acordo com Reuters, Ripple estaria planejando expandir sua presença no Brasil com novas parcerias significativas no próximo ano. Após firmar acordos anteriores com grandes bancos do país, como Santander, Bradesco e Rendimento, a Ripple quer passar a utilizar o XRP para pagamentos de remessas.

A promessa da Ripple de oferecer pagamentos rápidos e baratos perderia para o PIX com seus pagamentos instantâneos e gratuitos.

Veja também:

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas