CONECTE-SE CONOSCO

Crypto

PayPal e Cash App estão comprando tanto Bitcoin que estão causando escassez no mercado

Publicado

em

PayPal e Cash App estão comprando tanto Bitcoin que estão causando escassez no mercado

Em um relatório publicado pela Pantera Capital, a investida do PayPal com o Bitcoin foi crucial para sua recente disparada da maior criptomoeda do mercado.

Segundo informações o Paypal comprou até 70% de todo o Bitcoin recém-minerado desde que a gigante dos pagamentos começou a oferecer serviços de criptomoedas. Esses dados estão de acordo com as estimativas do gestor de fundos de hedge da Pantera Capital, conforme revelado em sua última carta mensal de blockchain.

Você pode gostar:

Bitcoin: Investidores estão comprando a moeda em massa

O Relatório afirma que juntos, o Paypal e Cash App da Square, estão comprando mais de 100% de todos os novos Bitcoins.

A facilidade com que o PayPal começou a oferecer seus serviços de criptografia teve um grande impacto na percepção pública do Bitcoin e na adoção de outras criptomoedas.

A base de usuários do PayPal também desempenha um papel essencial a favor. São 300 milhões de contas do PayPal, e isso torna mais fácil que novos investidores adquiram Bitcoin.

A Pantera Capital acredita que esse interesse de grandes fintechs em criptografia é um fenômeno novo por si só. É por isso que empresas como PayPal, Cashapp e Robinhood são tão importantes para essa corrida para as Cryptos que muitos consideram mais estável do que a de 2017.

Dados mostram que a alta atual do Bitcoin foi em grande parte impulsionada por compradores institucionais. De acordo com o site bitcointreasuries.org, que faz a curadoria de investimentos em Bitcoin por empresas de capital aberto, cerca de 21 empresas, incluindo Microstrategy Inc e Galaxy Digital Holdings, possuem um total de US$ 14,42 bilhões de BTC em reserva. Isso é 832.351 BTC ou mais de 4% do suprimento circulante de Bitcoin.

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Publicidade:

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas