CONECTE-SE CONOSCO

Imposto de Renda

Imposto de Renda 2021: Declaração começa na próxima segunda-feira (1º)

Publicado

em

Imposto de Renda 2021: Declaração começa na próxima segunda-feira (1º)
IMPOSTO DE RENDA 2021

Nesta quarta-feira, (24), a Receita Federal divulgou as regras para a declaração do Imposto de Renda 2021, ano base 2020. Começará dia 1º de março. A Receita espera receber mais de 32.619 milhões de declarações em 2021.

o Ministério da Economia apresentou a versão 2021 do programa para fazer a declaração, que poderá ser baixado no site da Receita a partir da proxíma quinta-feira (25) e nas lojas de aplicativos.

Quem é obrigado a fazer declaração do imposto de renda

O contribuinte é obrigado a declarar o Imposto de Renda se toda sua renda tributável (salário, bônus na empresa etc) no ano de 2020 foi maior que R$ 28.559,70. Ou que recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00.

Obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas.

Teve a posse ou a propriedade, em 31 de dezembro de 2020, de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300.000,00.

Pessoas dispensadas da apresentação da Declaração de Ajuste Anual do IRPF 2020

A pessoa física está dispensada da apresentação da declaração, desde que:

a) não se enquadre em nenhuma das hipóteses de obrigatoriedade da tabela anterior;

b) conste como dependente em declaração apresentada por outra pessoa física, na qual tenham sido informados seus rendimentos, bens e direitos, caso os possua;

c) teve a posse ou a propriedade de bens e direitos, inclusive terra nua, quando os bens comuns forem declarados pelo cônjuge ou companheiro, desde que o valor total dos seus bens privativos não exceda R$ 300.000,00, em 31 de dezembro de 2020.

Calendário de restituição do IR 2021

As restituições começam a ser pagas em maio, de acordo com o cronograma abaixo:

  • 1º lote: 31 de maio
  • 2º lote: 30 de junho
  • 3º lote: 30 de julho
  • 4º lote: 31 de agosto
  • 5º lote: 30 de setembro

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas