Connect with us

Empresas

Correios reajusta tarifas após voltar a registrar prejuízos

Publicado

em

Correios reajusta tarifas após voltar a registrar prejuízos
Imagem: Divulgação/Correios

Siga Money Invest no  Google News Money Invest

A partir de 3 de abril, as tarifas dos serviços postais oferecidos pelos Correios serão ajustadas em 4,39%. O aumento, aprovado pelo Ministério das Comunicações, foi oficializado no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (25/3).

Segundo informações do Ministério das Comunicações, os valores para enviar cartas e cartões postais, com peso de até 20 gramas, aumentarão de R$ 2,45 para R$ 2,55, enquanto as tarifas máximas, para peso entre 450g e 500g, subirão de R$ 13,35 para R$ 13,80. Além disso, o franqueamento autorizado para cartas simples sofrerá ajustes, variando entre R$ 2,27 e R$ 12,17 conforme o peso.

Veja também:  Nubank (NUBR33) estreia hoje na bolsa

Para enviar telegramas nacionais, os preços serão de R$ 10,74 pela internet, R$ 12,96 por telefone e R$ 15,56 para contratação pré-paga nas agências. Quanto ao envio de malotes, é necessário consultar uma tabela de distância e peso disponibilizada no site dos Correios.

Os Correios voltaram a registrar prejuízos após anos de lucro. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos fechou 2022 com um prejuízo de R$ 809 milhões, uma retração equivalente a 135% em relação ao lucro obtido em 2021. Em 2020 e 2021, os Correios contabilizaram lucros de 1,5 bilhão e 2,2 bilhões de reais, respectivamente.

Compartilhar:

Tendência