Connect with us

Notícias

Aras acaba de pedir ao STF abertura de inquérito para investigar Jair Bolsonaro

Publicado

em

O procurador-geral da República, Augusto Aras, e o presidente Jair Bolsonaro Foto: Ueslei Marcelino / Reuters

O procurador-geral da República, Augusto Aras, solicitou, ao Supremo Tribunal Federal (STF) abertura de inquérito para investigar as declarações do ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, que descreveu supostos crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro.

As diligências devem apurar a suposta prática dos crimes de falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de justiça, corrupção passiva privilegiada, denunciação caluniosa e crime contra a honra. “A dimensão dos episódios narrados revela a declaração de Ministro de Estado de atos que revelariam a prática de ilícitos, imputando a sua prática ao Presidente da República, o que, de outra sorte, poderia caracterizar igualmente o crime de denunciação caluniosa”, aponta o procurador-geral

Veja também:  Vale aprova R$7,25 bi em juros sobre capital próprio, distribuição está suspensa

Fonte: MSN

Compartilhar:

Tendência