Connect with us

Empresas

Polishop luta para evitar a falência em meio à crise no varejo

Publicado

em

Polishop luta para evitar a falência em meio à crise no varejo
Imagem de Money Invest

Siga Money Invest no  Google News Money Invest

As varejistas brasileiras continuam enfrentando desafios. Desta vez, a Polishop corre contra o tempo para evitar medidas drásticas, como um pedido de falência. Com um plano de renegociação no valor de R$ 400 milhões em andamento, a empresa obteve uma decisão favorável do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Essa decisão garante a proteção de suas lojas físicas contra ordens de despejo, o bloqueio de ativos financeiros e a exclusão de seu site de e-commerce das plataformas de vendas e marketing. O juiz responsável pela decisão foi Paulo Furtado de Oliveira Filho, que considerou que a medida antecipa os efeitos do processo de recuperação judicial.

Veja também:  Lucro da JHSF cresce 23% no 3º tri, beneficiado por alívio das restrições da pandemia

A empresa justificou o pedido de proteção devido à falta de todos os documentos necessários para iniciar o processo de recuperação judicial. Além dos débitos relacionados aos aluguéis não pagos das lojas em shopping centers, a varejista também enfrenta passivos trabalhistas.

Crise entre as varejistas

Recentemente, o grupo espanhol Dia anunciou o fechamento de lojas no país. Serão 343 supermercados e três centros de distribuição (CDs) no Brasil. As Americanas, que enfrentam uma crise após uma fraude contábil, fecharam 159 lojas. A Renner anunciou o fechamento de diversas lojas espalhadas pelo país. O Carrefour também decidiu fechar lojas e focar em outro modelo.

Siga Money Invest no  Google News Money Invest

Compartilhar:
Continuar Lendo Notícia

Tendência