Connect with us

Criptomoedas

CVM recebe denúncia sobre a 18kRonaldinho e vai analisar as atividades da empresa

Publicado

Um dos maiores idolos do futebol mundial o brasileiro. Ronaldinho Gaúcho, parece não ser um grande atleta quando o assunto é Bitcoin e criptomoedas e, novamente, o ex-jogador da seleção brasileira de futebol tem um de seus empreendimentos denunciados à Comissão de Valores Mobiliários do Brasil (CVM) por suposta fraude.

O Cointelegraph reportou que Ronaldinho já teve dois projetos de tokenização que falharam, a Ronaldinho Soccer Coin e a Champion Coin. Além destes um outro projeto que o craque está envolvido, a plataforma de Forex LBLV, também foi denunciada a CVM por supostamente realizar operações ilegais no Brasil tendo em vista que negociações de Forex são expressamente proibidas pela CVM.

“Considerando que até o presente momento não há qualquer oferta relacionada ao mercado Forex registrada na CVM, ou corretora autorizada pela autarquia a atuar nesse mercado, qualquer oferta feita no Brasil é ilegal. Isso inclui, mas não se limita, ofertas feitas por instituições estrangeiras por meio da internet”, diz um alerta sobre o tema publicado no ano passado pela CVM.

Agora, mais uma vez, o craque e seus sócios na 18kRonaldinho terão que explicar aos reguladores suas atividades tendo em vista que a autarquia instalou o processo na Gerência de Orientação aos Investidores para averiguar as atividades da 18k. A CVM não tem prazo para se manifestar sobre o processo e destacou que, caso sejam identificadas irregularidades, irá se manifestar em seu site oficial.

A 18kRonaldinho teria surgido em 2018 e sido reformulada posteriormente para adotar uma estratégia mais ‘agressiva’ vinculada ao Marketing Multinivel (MMN). A empresa, basicamente, fabrica relógios que são comercializados por meio de uma estratégia que envolve indicações e uma compra fixa pelos vendedores, mesma estratégia usada pela Hinode.

No caso da 18kRonaldinho aderiando a um dos planos da empresa o associado recebe uma quantidade de relógios que deve revender, lucrando desta forma com as vendas dos produtos. Além disso ele também recebe por novos membros indicados. Há também, segundo material promocional da própria 18kRonaldinho, oportunidade de lucrar com operações de trader e arbitragem de criptomoedas.

18 ronaldinho

De acordo com uma reportegem do portal BOL, segundo o CEO da 18kRonaldinho, Bruno Rodrigues, a empresa tem hoje cerca de 2,3 mil associados espalhados por sete países e tem planos ambiciosos de expansão para se tornará “a maior empresa de marketing multinível do mundo”.

“Daqui a cinco anos formaremos milhares de milionários. Isso não é marketing, é dado, estatística. Mas só serão milionários aqueles que fizerem o que a gente falar pra fazer, que é trabalhar e trabalhar muito”, declarou Athos Trajano durante uma palestra motivacional da empresa.

Continue Reading

Tendência