CONECTE-SE CONOSCO

Crypto

Uma das maiores baleias da história acaba de movimentar R$ 12,8 bilhões no BTC

Publicado

em

Uma das maiores baleias da história acaba de movimentar R$ 12,8 bilhões no BTC

Uma das maiores baleias Bitcoin de todos os tempos simplesmente tirou uma quantia colossal de onze dígitos de sua carteira, enquanto o preço da maior criptmoeda do planeta girava em torno de US$ 54.000.

De acordo com o explorador de blockchain Bitcoin Block Bot, uma entidade desconhecida movimentou 40.913 BTC no valor de US$ 12,8 bilhões no momento da transação por uma taxa de aproximadamente 105 reais (33 mil satoshis).

A baleia transferiu 900 bitcoins para uma carteira com um histórico de 60 transações. Uma segunda carteira com um total de apenas duas transações arrecadou 40.013 BTC.

BitInfoCharts revelou que a enorme baleia por trás da transferência criou a carteira de bitcoin em 27 de fevereiro e imediatamente se tornou o 16º endereço mais rico em Bitcoin.

Os endereços envolvidos não têm nenhuma ligação com empresas que investem ou trabalham com criptomoedas. Além disso, o Bitcoin não foi movido para nenhum endereço conhecido de propriedade da bolsa, onde pudesse ser negociado e vendido no mercado aberto.

A observação de baleias ocorre dias depois que a empresa de analistas da cadeia Glassnode disse que a recente correção do preço do bitcoin abalou novos detentores, enquanto os antigos “continuam fortes”. Eles registraram um grande despejo de novas carteiras imediatamente depois que o Bitcoin caiu de seu recorde de quase US$ 65.000.

“É claro que as moedas com mais de um mês representam uma proporção muito pequena e decrescente do fluxo total de transações. Por outro lado, o número de novas moedas (<1 semana) gastas aumentou no final da semana, sugerindo que os novos participantes do mercado foram abalados durante esta correção. ”

A empresa de análise Santiment também informou na última quarta-feira que enormes baleias (endereços com mais de 10.000 bitcoins) adquiriram 90.000 bitcoins em 5 de abril.

Fonte: Cointimes

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas