Connect with us

Dinheiro

Sorte Grande: Contador de Lulinha ganha 640 vezes na loteria

Publicado

em

Sorte Grande: Contador de Lulinha ganha 640 vezes na loteria

Siga Money Invest no  Google News Money Invest

João Muniz Leite, contador de Lulinha filho do presidente Lula, está sendo investigado pelo Ministério Público de São Paulo, que visa combater um esquema de lavagem de dinheiro para a facção criminosa PCC através de empresas de ônibus na capital paulista.

Muniz ficou conhecido por ter trabalhado para Fábio Luis Lula da Silva, o Lulinha. Ele foi ouvido no caso do triplex do Guarujá, descoberto pela Operação Lava Jato.

De acordo com a Polícia Federal, o contador e sua esposa, Aleksandra Silveira Andriani, ganharam várias vezes na Lotofácil, Mega Sena e Quina. Apenas Aleksandra ganhou 462 vezes em menos de um ano.

Veja também:  Bitcoin ultrapassa US$ 50.000 pela primeira vez desde 2021

Nesta operação, o Ministério Público busca desmantelar um esquema criminoso envolvendo empresários, contadores e advogados ligados à UPBus, uma das empresas de ônibus sob suspeita.

A investigação aponta para inconsistências na contabilidade das empresas. A UPBus, por exemplo, registrou prejuízos de até R$5 milhões por ano, mas pagou R$15 milhões a um acionista a título de “lucros distribuídos”.

A promotoria suspeita que o Contador do Lulinha tenha conexões com outras empresas envolvidas no esquema de lavagem de dinheiro, que movimentou cerca de R$974,3 milhões apenas em 2022. O Gaeco está investigando a ligação de Muniz com Sílvio Luiz Correia, conhecido como Cebola, um dos líderes do PCC.

Com informações O Estadão.

Compartilhar:

Tendência