Connect with us

Dinheiro

PIS/PASEP está disponível para saque

Publicado

em

PIS/PASEP está disponível para saque

Os trabalhadores que possuem saldos de cotas nos programas PIS/PASEP têm até o dia 5 de agosto para resgatar os valores disponíveis. Os saques podem ser realizados através do aplicativo FGTS, vinculado ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, dispensando a necessidade de comparecer às agências bancárias.

De acordo com dados divulgados pela Caixa Econômica Federal, atualmente cerca de 10,5 milhões de trabalhadores têm o PIS/PASEP disponível para saque, totalizando um montante de R$ 25,4 bilhões. Os titulares das contas têm direito a sacar o valor integral das cotas PIS-PASEP, enquanto os beneficiários legais podem efetuar o saque em caso de falecimento do titular.

Podem realizar o saque das cotas aqueles que trabalharam com carteira assinada na iniciativa privada ou como servidores públicos no período de 1971 a 1988 e ainda não efetuaram o resgate dos valores do PIS-PASEP.

Caso os saldos não sejam resgatados até o dia 5 de agosto, os recursos serão transferidos do FGTS para o Tesouro Nacional. Nesse cenário, os interessados terão um prazo de até 5 anos para solicitar uma nova retirada junto ao Governo.

Como Sacar PIS/PASEP

Os beneficiários com saldo de cotas do PIS-PASEP não precisam se dirigir a uma agência bancária para verificar se têm direito ao saque ou para receber o valor correspondente. No Aplicativo FGTS, disponível gratuitamente para download, o trabalhador tem acesso, logo na tela principal, à opção de consultar o saldo disponível para saque dos recursos.

Veja também:  Rendimento da poupança hoje: 11/05/2022

Em caso de saldo positivo, para solicitar o saque pelo próprio aplicativo, basta selecionar a mensagem “Você possui saque disponível” e, em seguida, clicar em “Solicitar o saque do PIS/PASEP”. O trabalhador deve escolher a forma de saque desejada (crédito em conta ou presencial), conferir seus dados e selecionar “Confirmar saque”.

Na opção de crédito em conta, o saldo será depositado em uma conta bancária de qualquer instituição indicada pelo trabalhador, sem custos adicionais.

No caso de falecimento do trabalhador, o beneficiário herdeiro pode acessar o próprio Aplicativo FGTS e solicitar o saque na seção “Meus Saques”, seguindo para “Outras Situações de Saque” e, em seguida, escolhendo a opção “PIS/PASEP – Falecimento do Trabalhador”. É necessário fornecer os documentos solicitados e confirmar a solicitação.

Se o trabalhador se enquadrar em qualquer uma das hipóteses de saque do FGTS e possuir conta PIS-PASEP, o saldo dessa conta será liberado em conjunto com o FGTS.

Compartilhar:

Tendência