Connect with us

Mercado de Ações

Efeitos coronavírus: Oi ganha mais tempo para sair dos centavos

Publicado

em

Compartilhar:
Oi ganha mais tempo para sair dos centavos

A Operadora Oi que está em Recuperação Judicial, avisou seus acionistas e ao mercado que recebeu, na última sexta-feira (20). Ofício 154/2020 da B3, informando ter aceitado o pedido realizado pela Oi para a suspensão da obrigação de enquadramento da cotação das ações da empresa até 6 novembro de 2020.

Veja também: Oi quer decidir sobre venda da telefonia móvel em assembleia

A Oi quer evitar prejuízos aos acionistas e credores, já que de acordo com a companhia nos próximos meses deverá ocorrer a venda de ativos dentro do Plano de Recuperação Judicial.

A Companhia informa que após a realização da assembleia geral será reiniciada a contagem de um novo período de 30 pregões ininterruptos com a cotação abaixo de R$1,00 para efeito de apuração de desenquadramento da regra de Penny Stock.

Caso o ocorra o desenquadramento, a Companhia se compromete a imediatamente realizar proposta ao seu Conselho de Administração para que seja convocada Assembleia Geral para tratar do grupamento de suas ações.

Telefônica Brasil e Grupo Tim

Recentemente, a Telefônica Brasil (VIVT3) e o Grupo Tim (TIMP3) informou ao mercado e seus acionistas que manifestaram ao Bank of America Merrill Lynch (“BofA”), assessor financeiro do Grupo Oi, (OIBR3) interesse em iniciar tratativas com vistas a uma potencial aquisição, “em conjunto”, da rede móvel da operadora Oi, no todo ou em parte, de modo que, no caso de concretização da operação, cada uma das interessadas receberá uma parcela do referido negócio.

Ações mais Procuradas

Receba notícia atualizadas