CONECTE-SE CONOSCO

Mercado de Ações

Ibovespa derrete 2,09% de olho em China e piora no cenário fiscal

Publicado

em

Ibovespa derrete 2,09% de olho em China e piora no cenário fiscal
Reuters/Paulo Whitaker

O Ibovespa iniciou a segunda-feira (20), amargando perdas de 2,09%, aos 109.109 pontos, próximo às 10h50. Nesta semana, tanto o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) como o banco central brasileiro decidem suas novas taxas de juros.

O risco de desrespeito ao teto dos gastos é um dos problemas que ocupa os holofotes nacional, sem avanço nas negociações envolvendo os precatórios, com uma fatura de quase 90 bilhões de reais a vencer em 2022, e aumento de imposto para bancar o Auxílio Brasil ajudaram para queda.

Às 10:07, o dólar avançava 0,95%, a 5,3379 reais na venda, depois de tocar 5,3471 reais na máxima do dia, alta de 1,13%. Na B3, o dólar futuro tinha alta de 0,91%, a 5,345 reais.

VOCÊ PODE GOSTAR:  As ações da Hering disparam após alta de 212% no lucro do 2° tri

Mercado asiático recuou nesta segunda-feira (20), com os temores de uma potencial falência da gigante do setor imobiliário chinês Evergrande derrubando o mercado de Hong Kong para uma mínima em quase um ano.

Ações de bancos brasileiros em queda

Bradesco:

Às 10h58, BBDC4 caía 2,45%, cotada a R$ 19,53, ITUB4 recuava 2,34%, cotada a R$ 27,17, Banco do Brasil também era negociada em baixa na bolsa de valores.

Compartilhar:

Siga-nos no Google News

Siga-nos nas Redes Sociais

Ações Mais Procuradas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba notícia atualizadas