CONECTE-SE CONOSCO

Mercado de Ações

Ibovespa fecha em alta após Bolsonaro declarar respeito pelas instituições

Publicado

em

Ibovespa fecha em alta após Bolsonaro declarar respeito pelas instituições

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) – O Ibovespa fechou em alta nesta quinta-feira, reagindo fortemente na última meia hora do pregão após o presidente Jair Bolsonaro divulgar nota oficial, na qual afirmou respeito pelas instituições da República.

Antes da nota, a bolsa paulista ainda mostrava fragilidade devido ao agravamento da tensão institucional após declarações de Bolsonaro no Dia da Independência, bem como mais um dado forte de inflação e a mobilização de caminhoneiros, somando-se a um rol de adversidades que tem minado as ações brasileiras.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,72%, a 115.360,86 pontos, tendo chegado a 116.353,62 pontos no melhor momento do dia (+2,59%). Na mínima da sessão, recuou 0,86%, a 112.435,11 pontos.

O volume financeiro da sessão somou 38,9 bilhões de reais.

Na véspera o Ibovespa caiu quase 4% após Bolsonaro atacar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em manifestações na terça-feira e ameaçar descumprir ordens judiciais.

Nesta quinta, ele disse que nunca teve a intenção de agredir quaisquer dos Poderes e que as pessoas que exercem o poder não têm o direito de “esticar a corda” a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Eike Batista é condenado a 8 anos de prisão por manipular mercado de ações com a OGX

A nota foi publicada após Bolsonaro ter se reunido com o ex-presidente Michel Temer, em Brasília.

Para o analista da Clear Corretora Rafael Ribeiro, Bolsonaro “colocou panos quentes” sobre suas últimas declarações, reduzindo riscos, o que foi respondido pelos investidores.

Apesar do alívio, o cenário do mercado brasileiro, com dúvida sobre o andamento da pauta econômica, crise hídrica, inflação elevada e movimentação de caminhoneiros, entre outros fatores, deve continuar ditando volatilidade.

Esses componentes, combinados com ruídos no exterior, tiram a visibilidade do investidor, segundo o responsável pela mesa de ações da Western Asset, Naio Ino. “O momento segue de cautela.”

No exterior, o índice S&P 500 terminou em baixa após os pedidos semanais de seguro-desemprego nos EUA amenizarem temores de uma desaceleração da recuperação econômica, mas alimentarem receios de que o Fed possa agir mais cedo do que o esperado.

VOCÊ PODE GOSTAR:  Auxílio emergencial em análise: Como acompanhar sua solicitação

DESTAQUES

– B3 (B3SA3) avançou 3,89%, após despencar mais de 8% na véspera, com o setor financeiro reagindo. Entre os bancos, ITAÚ UNIBANCO PN (ITUB4) ganhou 1,32% e BRADESCO PN (BBDC4) subiu 0,43%. BANCO INTER PN fechou em alta de 5,81%

– WEG ON (WEGE3) saltou 6,44%, puxando a valorização em setembro para mais de 9%.

– PETROBRAS PN (PETR4) subiu 2,12%, acompanhando a melhora do ambiente, apesar da fraqueza dos preços do petróleo no exterior, enquanto agentes financeiros continuam monitorando a mobilização dos caminhoneiros.

– VALE ON (VALE3) caiu 0,36%, na esteira da queda do contrato mais ativo de minério de ferro de Dalian, na China, enquanto outros papéis do setor engataram uma recuperação após forte declínio na véspera. A Vale divulgou mais cedo atualização das estimativas para desembolso de caixa em 2021, CSN ON (CSNA3) teve alta de 2,98%.

As informações são da Reuters

Compartilhar:

Ações Mais Procuradas

Siga-nos no Google News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Siga-nos no Twitter

Receba notícia atualizadas