Connect with us

Dinheiro

Banco rival do Nubank decreta falência

Publicado

em

Banco rival do Nubank decreta falência
Imagem de jcomp / Freepik
Google news

A BRK Financeira, que pretendia seguir os passos do maior banco digital do Brasil, o Nubank, decretou falência. A liquidação extrajudicial da BRK Financeira e da Portocred Financeira foi decretada em 15 de fevereiro de 2023.

O Fundo Garantidor de Crédito (FGC) pagou mais de R$ 1,65 bilhão aos 36 mil credores que ficaram com seus investimentos comprometidos. A BRK Financeira tinha uma base estimada de 45 mil credores com depósitos elegíveis ao pagamento da garantia, que somavam R$ 1,7 bilhão. Já a Portocred tinha uma base estimada de 13 mil credores com depósitos elegíveis, que somavam R$ 507 milhões.

A BRK enfrentava acúmulo de dívidas e recorria cada vez mais à emissão de títulos de renda fixa para cobrir o déficit. Os CDBs eram os títulos que a BRK oferecia com o maior retorno, porém, com grandes riscos.

Veja também:  Golpistas oferecem cartão clonado por R$ 35 no Twitter e WhatsApp

O Certificado de Depósito Bancário (CDB) é considerado um investimento seguro porque tem a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que devolve o dinheiro do investidor se o banco falir (com limite de até R$ 250 mil por instituição financeira).

Porém, isso não significa que o investidor não terá dores de cabeça. É importante sempre avaliar a situação financeira do banco que está emitindo o CDB. O ideal é sempre avaliar os riscos quando se trata de priorizar a segurança.

Compartilhar:

Tendência